Acessibilidade


Por favor, ajuste suas preferências
Verifique se as suas preferências estão ajustadas.
Cores Originais
Alto Contraste
Recursos da Acessibilidade
Modais (imagens ou textos que aparecem sobrepostos ao conteúdo do site) e Flash não são utilizados, pois suas características impossibilitam o acesso dessa parte do conteúdo a deficientes visuais. Navegação via teclado, através de teclas de atalho, para que o usuário não precise buscar pelos botões de navegação na tela, podendo concentrar-se apenas na informação.

O menu invisível é o primeiro item de navegação da pessoa com deficiência, possibilitando a esta percorrer as páginas de forma mais objetiva, direcionando-a às áreas de topo, menu e rodapé. Todas as imagens são acompanhadas por uma descrição, garantindo a compreensão do que está sendo retratado.
Aumente ou diminua a fonte
-
+
O usuário também pode utilizar a ferramenta de aumento e diminuição de fonte do próprio browser:

Pressione Ctrl + para aumentar o tamanho da fonte;
Pressione Ctrl - para diminuir o tamanho da fonte;
Pressione Ctrl 0 para que a fonte retorne ao tamanho original.
Cancelar
OK
ou
CBC

Notícias

Página Inicial - Comunicação - Informações - Notícias

Voltar

08/06/2018Formando Atletas: Yacht Clube da Bahia nos Jogos Sul-Americanos Cochabamba 2018

Os atletas de vela do Yacht Clube da Bahia fizeram juz à tradição brasileira na vela e garantiram medalha de ouro na categoria Snipe, durante os Jogos Sul-Americanos Cochabamba 2018, na Bolívia. Os velejadores Juliana Duque e Rafael Rizzato venceram três das oito regatas que disputaram e nem precisaram ir para a água na última prova. Com apenas 14 pontos perdidos, os brasileiros ficaram com o título na Represa Corani-La Barca, no município boliviano de Colomi.

O Brasil é uma potência tradicional na Snipe, a começar pelos irmãos Axel e Eric Schmidt, pioneiros da célebre família Grael, que foram tricampeões mundiais da classe na década de 1960. Ao todo, o país já ganhou 13 medalhas de ouro nos Mundiais masculinos da Snipe, além do título de Juliana e Amanda no feminino em 2016. Na vela desta edição dos Jogos Sul-Americanos, 35 atletas de nove países participaram das disputas: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. A cerimônia das entregas das medalhas ocorreu no último dia 31 de maio.

Por meio do Projeto Yacht - Formação Olímpica e Paralímpica, o Yacht Clube da Bahia, integrado ao CBC, recebe recursos por meio de Termo de Colaboração nº 86/2016, firmado no âmbito do Edital de Chamamento de Projetos n.º 06, para viabilização de equipes técnicas e multidisciplinares por 54 meses para os esportes olímpicos de vela, natação, maratonas aquáticas e natação paralímpica.



CBC
Campinas/SP: R. Açaí, 566 - Bairro das Palmeiras - CEP: 13092-587 - (19) 3794-3750
Brasília/DF: SBN Qd.02 Bloco F, Lt. 12, Sala 1503 - Ed. Via Capital - CEP: 70040-020 - (61) 2099-2600